A artista que cospe os pratos que come

Texto de Pedro Emanuel Santos

Ponto prévio: o que vai ler de seguida pode ser particularmente repugnante. Agora que está avisado, fique a conhecer Nathan Ceddia, uma australiana que tem chamado a atenção pelos vídeos pouco usuais que publica na internet, entretanto tornados virais.

Nathan, que se intitula realizadora e fotógrafa com trabalho dividido entre Berlim e Londres, convida várias pessoas a elaborar um prato e filma todo o processo. Que não é um processo qualquer, pois é obrigatório que os ingredientes que compõem os cozinhados sejam integralmente mastigados pelos autores da iguaria. Isso mesmo, mastigados. Cuspidos, também. “Cooking with your mouth” (“Cozinhar com a sua boca”), assim se chama o bizarro projeto.

Um dos primeiros vídeos a causar furor foi protagonizado pela atriz Iska Lupton, que vestiu a pele de uma chef supostamente chamada Riva Godfree e a quem Nathan Ceddia pediu que elaborasse um peru recheado para o Natal. Durante quase seis minutos, é possível vê-la a desfazer à dentada tudo o que é produto. Começa por metade de uma cebola – e pela expressão facial de Riva devia ser das mais fortes –, “cortada em pequenos pedaços para que seja bem cozinhada”, conforme explica Riva. À dentada, claro.

Seguiu-se uma cenoura, que acabou mastigada em mil pedaços. Vieram depois um aipo, uma mão cheia de salsa e um… alho. “O meu favorito”, foi confessando a irónica Riva Godfree.

O passo seguinte foi um pão enorme, muito semelhante em tamanho ao pão alentejano, desfeito em papa à força do maxilar. Acrescentou um limão e para passo seguinte chegou um ovo que, depois de partido em metades bem medidas, foi tragado, misturado na boca e expelido para o recipiente onde antes mergulharam os restantes ingredientes. Para complementar, Riva absorveu um enorme pedaço de margarina e esmigalhou pimenta preta. Na boca, lá está.

Foi com este composto saído de si que o peru acabou devidamente recheado, levado ao forno e assado. O resultado final, surpreenda-se, teve aspeto de prato gourmet. Quem não soubesse como fora preparado não imaginaria o que para ali andou de excentricidade artística.

Mas ainda não estava tudo. Nathan Ceddia decidiu convidar outros atores para protagonistas de mais vídeos polémicos. Como o que colocou um homem a transformar uma pasta de comida de cão num aparentemente delicioso hambúrguer. Que depois foi comido, como se tratasse de normal carne de vaca.

Enfim, Nathan Ceddia, cujo canal no YouTube pode ser facilmente encontrado, promete agitar consciências. E estômagos mais sensíveis, já agora.