Comer pão ao pequeno-almoço ajuda a emagrecer, diz a ciência

Confirma-se: agora já pode comer aquela fatia de pão de centeio com queijo fresco – ou peito de peru e tomate se preferir, ou ainda torrado com pouca manteiga – sem sombra de culpa. E tudo graças à ciência, que traz estas notícias saborosas a quem quer emagrecer.

Texto NM | Fotografias da Shutterstock

Já aconteceu a todos os adoradores de pão deste mundo: quanto mais ouvimos dizer que engorda, incha a barriga, é inimigo da dieta, mais aquela torrada que não comemos de manhã se entranha no cérebro.

E então passamos o dia a sonhar alto (por que raio não a comemos?) e o mais certo é acabarmos a fazer asneiras a horas impróprias para quem quer emagrecer. Sendo que o pequeno-almoço não é uma delas, garante a ciência.

Uma fatia de pão ao pequeno-almoço reduz os níveis de glicose e engorda menos do que uma fatia idêntica ingerida à noite.

«Uma fatia de pão ao pequeno-almoço reduz os níveis de glicose e engorda menos do que uma fatia idêntica ingerida à noite», explica a professora de medicina Daniela Jakubowicz, da Universidade de Tel Aviv, Israel, que liderou um estudo sobre como o pequeno-almoço pode mesmo ser a melhor forma de perder peso.

Na prática, 18 homens e 11 mulheres obesos, com diabetes tipo 2, foram divididos em dois grupos: um a fazer três refeições diárias de pequeno-almoço grande, almoço médio e jantar pequeno; o outro com o habitual esquema de seis refeições por dia.

A hora do dia é mais importante do que aquilo que comemos e a quantidade de calorias consumidas.

Após três meses, os cientistas tiveram de se render aos resultados evidentes: enquanto este último grupo acabou com mais 1,4 quilos de peso, o primeiro perdeu 5 quilos, além de ver reduzidos os níveis de açúcar no sangue, a sensação de fome e a vontade súbita e intensa de devorar hidratos.

«A hora do dia – que é como quem diz quando comemos e a frequência com que o fazemos – é mais importante do que aquilo que comemos e a quantidade de calorias consumidas», acrescenta ainda a especialista, cuja investigação parece ser uma resposta às preces de quem adora um bom brunch (com pão quente, como se quer) aos domingos de manhã.

E já que estamos a falar de comer bem, anote as dicas que lhe deixamos na fotogaleria para cortar calorias sem se privar de nada do que gosta.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.