OPINIÃO

O Rei da Cozinha Portuguesa

O bacalhau tornou-se a nossa imagem de marca. O “fiel amigo” está presente em todos os momentos, desde as épocas festivas às refeições do dia a dia.

De norte a sul do país, não há quem não fique totalmente rendido aos nossos sabores típicos. Portugal consome cerca de 70.000 toneladas de bacalhau por ano. Tanto que, em 2016, atingimos o número 500 milhões. A Norge, Conselho Norueguês da Pesca, assinalou este acontecimento com a entrega do bacalhau número 500 milhões, que veio num veleiro do país de origem, ao Presidente da República Portuguesa, comemorando também os mais de 200 anos de relações comerciais entre os países.

E se há algo, que somos especialmente bons a preparar, são os nossos pratos de bacalhau. A nossa ceia de Natal é o exemplo mais expressivo de como o bacalhau se tornou parte indissociável das nossas tradições. Na noite de 24 de dezembro, não falta em todas as casas portuguesas o típico bacalhau cozido, vindo dos mares da Islândia e da Noruega, de onde vêm os melhores exemplares deste peixe.

O bacalhau é um peixe magro, com baixo teor de gordura e um dos mais presentes nas mesas dos portugueses.

O consumo regular de peixe é universalmente recomendado pelos especialistas em alimentação, já que se trata de uma fonte privilegiada de diversos nutrientes. O bacalhau é um peixe magro, com baixo teor de gordura que, por ser um dos mais presentes nas mesas dos portugueses é dos que mais contribui para atingir as necessidades diárias de ómega 3.

Do princípio ao fim da refeição
Percorra a galeria de imagens clicando sobre as setas.

Saiba mais sobre o fiel amigo dos portugueses, o bacalhau.

Saiba mais sobre os alimentos que lhe fazem bem em