Do desporto à política: 10 craques que quiseram o poder

George Weah não está sozinho nesta mudança dos relvados para a política. Muitos outros desportistas retirados traçaram como nova meta o poder nos seus países de origem. Conheça alguns ex-atletas que são ou foram políticos.

Texto de Marcelo Teixeira

A vida de desportista conta sempre com os limites do corpo, e a idade empurra os atletas para a aposentaria precoce comparativamente com as outras profissões.

O ex-futebolista e bola de ouro George Weah lidera a corrida às presidenciais na Libéria. De acordo com os dados preliminares divulgados pela Comissão Nacional de Eleições, Weah tem o maior número de votos nas 14 das 15 províncias do país. No entanto, ainda não é oficial que será a maior figura de Estado na Libéria.

Weah não está sozinho nesta mudança dos relvados para a política. Muitos outros desportistas retirados traçaram como nova meta o poder nos seus países de origem. Conheça alguns ex-atletas que são ou foram políticos.

George Weah

George Weah brilhou no palco de San Siro, onde arrecadou em 1995 o mais alto galardão do futebol, uma bola de ouro. O antigo jogador do Ac.Milan é hoje o mais forte candidato à presidência do seu país.

Romário

Para alguns, um dos melhores jogadores da história do futebol, Romário de Souza Faria levou a canarinha «às costas» até ao título no Mundial de 1994. Atingiu 1000 golos em jogos oficiais e os clubes em que mais fez balançar as redes dos adversários foram o Vasco da Gama e o Flamengo, no Brasil, assim como o PSV Eindhoven e o Barcelona, na Europa. Depois de pendurar as chuteiras decidiu, em 2009, candidatar-se ao cargo de deputado federal pelo Partido Socialista Brasileiro no Estado do Rio de Janeiro. A 5 de outubro de 2014, foi eleito senador pela cidade maravilhosa, tendo vencido com uma enorme diferença face ao segundo classificado.

Imran Khan

Num desporto praticamente sem adeptos em Portugal, destaca-se Imran Khan uma lenda do críquete no Paquistão. Capitão e estrela levou a sua seleção em 1992 à vitória no Mundial, no primeiro e único título deste país na história do críquete. Em 1996, criou o Movimento pela Justiça no Paquistão e começou a ganhar seguidores tendo assegurado um lugar na Assembleia Nacional, entre 2002 e 2007. Khan é ainda hoje um ídolo no seu país e uma celebridade um pouco por todo o mundo, tendo feito amizade com Mick Jagger e casado com a multimilionária britânica Jemina Marcelle Goldsmith.

Arnold Schwarzenegger

O austro-americano é talvez o atleta/político mais famoso da história. É o Mr. Olympia mais novo até hoje e conquistou 6 provas consecutivas, até anunciar o seu abandono dos palcos do culturismo clássico. Em 1980 e com as gravações de Conan, o Bárbaro a decorrer, regressou para tentar pela última vez levar o ouro para casa. E conseguiu. Seguiu um caminho na representação e ficou conhecido mundialmente pelos filmes que protagonizou, sendo a saga Exterminador Implacável o mais mediático de todos. Depois de estrela do culturismo e do grande ecrã, candidatou-se ao lugar de Governador da Califórnia. Venceu. Foi o governador californiano com mais tempo de mandato, de 7 de Outubro de 2003 a 3 de Janeiro de 2011.

Garry Kasparov

O maior jogador de xadrez de todos os tempos, Garry Kasparov, saiu vitorioso, pela primeira vez, do campeonato do mundo desta modalidade apenas com 22 anos. Revalidou o título por 16 vezes consecutivas até ser derrotado por Vladimir Kramnik. Kasparov nasceu em Baku no Azerbaijão na antiga União Soviética e foi filiado, entre 1984 e 1990, no partido comunista da U.R.S.S. Aposentou-se do xadrez em 2005 para se dedicar à política e à escrita. Formou o movimento United Civil Front e foi membro do The Other Russia. Em 2008, candidatou-se à presidência da Rússia contra Vladimir Putin mas acabou por desistir. Já foi preso por duas vezes em manifestações contra o Kremlin de Putin.

Manny Pacquiao

Rápido, esquivo e com uma esquerda implacável, Manny Pacquiao foi o primeiro campeão do mundo em 8 categorias de peso diferentes. O filipino de 38 anos foi distinguido com inúmeros prémios que o destacam como um dos melhores da história. Pacquiao ganha cerca de 50 milhões de dólares por combate e só é superado pela vedeta Floyd Mayweather (140 milhões). O atual campeão da Organização Mundial de Boxe é também o representante da província de Sarangani. Foi eleito em maio de 2010 para a Casa dos Representantes no 15º Congresso das Filipinas.

Nova Peris

Esta mulher australiana fez parte da equipa campeã de hóquei em campo dos jogos Olímpicos de 1996. E foi a primeira mulher aborígene a ser premiada com uma medalha de ouro. Em 2013, foi eleita para o Senado australiano, o que também foi inédito pois nenhuma mulher indígena tinha feito parte, até então, do parlamento federal da Austrália. Abandonou o cargo em 2016 e tem agora 46 anos.

Sebastian Coe

O britânico, de 61 anos ficou na história dos fundistas depois de vencer os 1500 metros nos Jogos Olímpicos de Moscovo em 1980 e de Los Angeles 4 anos depois. Foi recordista mundial dos 800 metros entre 1979 e 1997, dos 1500 metros entre 1979 e 1980, e dos 1600 metros entre 1981 e 1985. Depois de se aposentar do atletismo ingressou na política. Pelo Partido Conservador foi membro do Parlamento do Reino Unido de 1992 até 1997. Foi eleito Presidente do Comité Organizador dos Jogos Olímpicos de Londres de 2012 e presidente da IAAF – Associação Internacional de Federações de Atletismo em 2015, que liderou em Pequim o Campeonato Mundial de Atletismo.

William Bradley

William Bradley é um ex-jogador de basquetebol norte-americano que foi campeão da temporada da NBA de 1972-73 jogando pelo New York Knicks. As suas habilidades deram-lhe lugar no passeio da fama dos jogadores de basquetebol. Foi também um político de sucesso tendo sido nomeado por três vezes para Senador em New Jersey, representando os democratas.

Jesse Ventura

Jesse é uma antiga lenda do Wrestling e chegou a contracenar com Schwarzenegger em filmes como O Predador e O Sobrevivente. Em 1999 foi eleito 38º Governador do Minnesota, pelo Partido Reformista do qual se dissociou, mas manteve funções até 2003.

 

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.