Assim se melhora o sexo em 5 passos simples, diz a ciência

Todos queremos ser «bons de cama» e a boa notícia é que podemos, de facto, incrementar o sexo com alterações subtis às rotinas do dia-a-dia. Não se iluda com a simplicidade destas dicas: farão milagres pela sua vida sexual.

Texto NM | Fotografias da Shutterstock

FALE ABERTAMENTE DE SEXO

Relações longas pressupõem que os parceiros se conhecem bem, mas também são propícias a que caiam no marasmo e evitem falar de fantasias por receio de ferirem os sentimentos do outro. E não há nada mais fatal do que a falta de comunicação entre o casal, avisa a investigadora em sexo Kristen Mark, da Universidade do Kentucky, EUA. «Se se dispuserem a dar o passo de falarem das aventuras sexuais que gostariam de ter – e a embarcarem juntos nelas – a satisfação é garantida», afirma.

PROCURE O OUTRO

Primeiro: é preciso acreditar que uma relação duradoura requer vontade e algum trabalho. Segundo: há que fazer por isso, na certeza de que vale a pena manter-se a par das necessidades do parceiro (ele fará o mesmo em relação às suas). Para a psicóloga e especialista em sexo Amy Muise, professora na Universidade York, Reino Unido, ter sexo quando o outro nos procura, mesmo se não estamos com disposição, resulta numa maior satisfação para ambos no final.

DURMA ENLAÇADO

Podem ficar aninhados ou apenas encostados um ao outro pele com pele, a desfrutarem do momento: tudo serve para ajudar a reavivar a intimidade que, segundo a psicóloga Amy Muise, é a emoção que o casal procura à partida no envolvimento sexual. «Estas demonstrações de afeto após o sexo são uma forma de aproximação muito poderosa», garante a especialista.

DESCUBRA OS INTERRUPTORES

Recorda-se da excitação do primeiro encontro? Pois um truque para voltar a isso com a pessoa de sempre passa por pensar nos momentos em que tiveram o melhor sexo das vossas vidas e identificar o que os desencadeou (irá surgir um padrão se os comparar). «É muito importante descobrir o que nos “acende” – e à pessoa com quem estamos – e depois criar contextos em que possamos maximizar esses interruptores para dar largas ao potencial de ambos», sublinha a educadora sexual norte-americana Emily Nagoski.

SEJA GENEROSO NO SEXO

Se receber é bom, dar é ainda melhor, já que nos torna altamente desejáveis aos olhos do outro, revela um estudo realizado pelas universidades canadianas de Guelph e Nipissing, publicado no British Journal of Psychology. Ao que parece, as mulheres veem o altruísmo dos homens (funciona sobretudo com eles) como um sinal de que terão outras qualidades desejáveis a transmitir à prole.

LARGUE OS FUMOS

São inúmeras as pesquisas que apontam os malefícios do tabaco para a saúde, porém a Associação Médica Britânica vai mais longe ao associar o cigarro a dificuldades na performance sexual de homens (disfunção erétil) e mulheres (falta de prazer no ato). Tudo indica que fumadores há mais de dez anos dobram as probabilidades de virem a sofrer desses problemas quando comparados com não-fumadores. Na dúvida, mais vale trocar o cigarro de fim de sexo por um novo round.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.