OPINIÃO

É dos descapotáveis que elas gostam mais

Uma escolha difícil para quem quer aproveitar o verão em pleno.

Cinco propostas que provam que, para andar de cabelos ao vento, já não é necessário ser (muito) rico.

Sentir no rosto a brisa de um fim de tarde bem temperado pelo sol ao volante de um descapotável é coisa de cinema. Tendo o mar como horizonte, o quadro completa-se. Momentos doces, que a máquina mais controversa e, em simultâneo, mais consensual que a indústria produziu nos pode proporcionar. Se antes era sinal de status, hoje é uma afirmação
social. Um lifestyle boémio e urbano em que a liberdade é sentida pelos cabelos. Um esticar de braços sem limite que nos aproxima do céu. Provavelmente o único tipo de veículo automóvel que é difícil descrever sem que a prosa resvale para a poesia. São mais eles que os compram e mais elas que os preferem; num jogo de sedução aproveitado pelos fabricantes que vão colocando no mercado versões para todos os gostos. Um dos mais iconográficos, o incontornável carocha – acabado de sair de uma intervenção de rejuvenescimento –, recorre à tradicional capota de lona, com a operação de abertura e fecho a realizar-se eletricamente em apenas dez segundos. Uma tentação com oito linhas diferentes de acabamentos, passível de ser adquirida a partir dos 26 900 euros.

Volkswagen Beetle Cabriolet
Motor: 1.2 TFSi com 105 cavalos
Combustível: gasolina
Preço: 27 616 euros

Outro exemplar posto a circular ainda neste mês nas nossas estradas é o novo Mégane Coupé-Cabrio. Combinando as linhas de um coupé com as virtudes de um descapotável, esta última geração do Mégane revela-nos um teto retrátil de vidro com a operação de recolha realizável em 21 segundos. A habitabilidade foi melhorada em função de um afastamento de 87 mm entre os eixos, e dispõe de uma bagageira de 211 ou 417 litros, nos modos fechada/aberta. Os preços arrancam nos 29 200 euros.

Renault Mégane Coupé-Cabrio
Motor: 1.4 TCi com 130 cavalos
Combustível: gasolina
Preço: 29 200 euros

Para quem procura um descapotável com tração integral, a Audi propõe o novo A3 Cabrio. Acabadinho de chegar ao mercado nacional, apresenta-se com o novo sistema de desativação de cilindros – Cylinder on Demand –, com vista a otimizar os consumos. Com mais espaço para bagagens e passageiros do que a versão anterior, este conversível da classe Premium começa por custar 38 060 euros, relativos à versão 1.4 TFSI com 125 cavalos.

Opel Cascada Cabrio
Motor: 1.4 Turbo com 140 cavalos
Combustível: gasolina
Preço: 31 990 euros

Completam esta amostra o já conhecido Opel Cascada Cabrio. Um digno representante da marca alemã, cheio de bons argumentos que, com o preço de acesso de 31 900 euros, desafia a concorrência neste seu regresso ao segmento dos descapotáveis. E por último – mas poderia perfeitamente ter sido o primeiro – o novíssimo BMW Série 4 Cabrio. Um descapotável com quatro verdadeiros lugares, repleto de tecnologia e elegância, que na versão 2 litros diesel com 184 cavalos exige aos potenciais interessados a quantia de 46 200 euros. As ofertas são variadas, a escolha será sempre sua.

BMW 420d Cabrio
Motor: 2 litros com 184 cavalos
Combustível: diesel
Preço: 46 200 euros

Vítor Brett