OPINIÃO

Fernando Mendes o homem mais sexy de Portugal? Há petições ainda mais estranhas

Têm bombocas, cuecas de atletas, canções infantis, jogadores de futebol, pastéis de nata, apresentadores de televisão, cantores. São petições públicas. Algumas são estranhas, outras são originais. Algumas parecem brincadeira, outras nem por isso.

Texto de Sara Dias Oliveira

As petições são uma ferramenta séria. Nasceram para exercer pressão sobre determinados organismos, organizações ou empresas. Existem para sensibilizar políticos, organizar protestos ou boicotes, mostrar indignação, tentar alterar ou criar leis, sensibilizar gente para várias causas.

São públicas, estão online, disponíveis a quem quiser ler, pensar e assinar. É um direito universal e gratuito. As que são dirigidas aos órgãos de soberania do país, são analisadas por comissões e só são discutidas pelos deputados da nação se estiverem conforme as regras e tiverem mais de quatro mil assinaturas.

Fomos à procura e descobrimos algumas mesmo estranhas. Dir-se-ia que há quem se divirta muito a fazer petições. A NM mostra-lhe as 25 mais estranhas. Ou não.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.