OPINIÃO

O carro do futuro é elétrico?

Veloz, com bastante autonomia, luxuoso e ecológico. Assim é o Tesla Model X, um SUV 100% elétrico que já está à venda em Portugal. Não é para todas as bolsas, mas é uma boa antevisão do que os próximos anos vão trazer às estradas do planeta.

A febre dos vídeos ‘unboxing’ – youtubers que se filmam a abrir a caixa de um novo gadget e comentam a sua primeira utilização – podia muito bem atingir qualquer pessoa que se estreia com a chave de um Tesla na mão. A marca norte-americana só chegou a Portugal em janeiro, e por isso o primeiro contacto com um destes carros é uma experiência de ‘unboxing’ – repleta de surpresas. Será este o carro do futuro?

O Tesla Model X ficará conhecido por muito mais do que as “asas de gaivota” (que a marca chama Falcon Wings), a alegoria da abertura vertical das duas portas de trás, como no DeLorean do filme ‘Regresso ao Futuro’. Só que graças a isto, devemos estar perante o único carro em que não começamos logo por nos sentar ao volante. Antes disso, abrimos uma “asa” que dá acesso generoso à fila do meio dos bancos, e basta o toque num botão para uma confortável poltrona deslizar e abrir caminho para os dois últimos lugares (pode configurar com 5, 6 ou 7 lugares). A segunda impressão que fica é que há bastante espaço a bordo – tem até um porta-bagagens à frente.

A unidade ensaiada era azul escura metalizada, e voltamos ao exterior por dois motivos: o primeiro é pela cor, já que o preto parece realçar menos as curvas desta carroçaria de dimensões generosas; o segundo é porque quando nos aproximamos do carro, a porta do condutor abre automaticamente e vai fechar-se assim que, já sentados, pressionamos o pedal do travão e estamos prontos para arrancar (com todo o silêncio de um motor elétrico).

O tabliê está desenhado para acomodar um ecrã “gigante” tátil de 17 polegadas (43 centímetros!) que controla quase todas as funções do carro – menos a abertura do porta-luvas, que é o único botão à vista na consola, e o comando dos vidros, acessível nas portas.

Mas o mais impressionante é o que se segue: O Model X P100D é o SUV mais rápido do mundo. Acelera dos 0 aos 100 km/h em apenas 3,1 segundos, o mesmo que um Ferrari F12 Berlinetta com 740 cv. A unidade ensaiada, o Model X 90 D, que é menos potente, alcança o mesmo feito em 5 segundos. E falamos de um carro que pesa duas toneladas e meia, e tem tração às quatro rodas. Mas por ser 100% elétrico tem toda a potência disponível a cada aceleração. É isso que faz com que seja tão divertido de conduzir como a maioria dos superdesportivos.

Com toda esta potência, como ficam os consumos? A marca anuncia que o Model X tem autonomia máxima para 565 km (489 km no caso da unidade ensaiada). Mas até neste aspeto a Tesla foi inteligente: o sistema de navegação calcula a autonomia que resta ao carro quando este chegar ao destino. E se for necessário, pode adicionar pontos públicos intermédios para “alimentar” a máquina. Acontece que a Tesla só deverá instalar o seu primeiro ponto de carregamento rápido de baterias (em 30 minutos permitirá mais 270 km de autonomia) no segundo semestre deste ano, entre Lisboa e Porto.

Ao nível tecnológico, todos os modelos da Tesla estão equipados para poder usar a funcionalidade de condução totalmente autónoma – pena que não pudéssemos testar em Portugal –, com base na informação recolhida pelas câmaras instaladas, radares e sensores ultrassónicos. São estes os equipamentos que alimentam o sistema de segurança ativo, incluindo o sistema de anticolisão e a travagem de emergência automática. O Model X tem um filtro de habitáculo que remove o pólen, as bactérias, os vírus e a poluição do ar exterior antes de este circular no interior.

O preço de acesso ao Model X situa-se nos 103 mil euros (a bateria tem oito anos de garantia com quilómetros ilimitados). A Tesla já tem vendedores em Portugal, mas só no segundo semestre terá um concessionário.

Outros modelos Tesla

Model S
É um sedan de quatro portas, com prestações de um verdadeiro desportivo. O Model S acelera dos 0 aos 100 km/h em apenas 2,7 segundos. A versão 75 tem autonomia para percorrer 450 km com uma só carga, a 90D percorre 512 km e a 100D alcança 595 km. Tal como o Model X está super equipado. Os preços começam nos 74.300 euros.

Model 3
Este modelo foi anunciado com grande expectativa, já que deverá custar apenas 35 mil dólares (31.950 euros) no mercado norte-americano, tornando a Tesla numa marca mais acessível. O Model 3 acelera dos 0 aos 100 Km/h em menos de seis segundos e terá autonomia para 346 km. A produção deverá iniciar-se em julho.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.