OPINIÃO

Na sopa ou num ceviche, este peixe é sempre uma ótima ideia

Da família dos Esparídeos, o sargo entra na categoria de peixe magro. É uma espécie originária do oceano Atlântico, muito abundante na nossa costa.

Habitualmente, o sargo mantém-se entre as rochas ou areia em profundidades que permitem boa luz e muita comida. Encontra-se junto à costa no verão, sendo por isso muito popular entre os praticantes de pesca desportiva. Atinge uma média de 22 cm de comprimento.

CRIATIVIDADE NO CONSUMO
Nos Açores, o sargo é um peixe muito apreciado na sopa de peixe. O seu sabor é tão suave que conjuga bem com qualquer tipo de receita, seja tipicamente portuguesa ou mais arrojada, como num ceviche.

VALORES NUTRICIONAIS
(por cada 100gr)

  • 143 kcal
  • Vitaminas: A, B12, B3, C
  • Minerais: Sódio, Potássio

COMO CONSERVAR
Conserve na parte inferior do frigorífico.

Sabia que…
O sargo é muito ativo. É frequente encontrá-lo na zona de rebentação durante a madrugada, onde se alimenta de crustáceos e moluscos.

O piscitarianismo é um estilo de alimentação muito em voga. Sabe em que consiste?

Saiba mais sobre os alimentos que lhe fazem bem em