10 dicas para arrumar o seu roupeiro

Porque hoje é Dia da Arrumação, a designer de interiores Rita Salgueiro diz-lhe como deitar finalmente a mão à tarefa colossal que tem vindo a adiar: arrumar o roupeiro. As dicas são simples, fáceis de concretizar, libertam espaço para as roupas de verão. E, de caminho, ajudam-nos a arrumar também a cabeça.

Texto NM | Fotos da Shutterstock

Se há coisa que uma mulher precisa de fazer de vez em quando é arrumar o roupeiro. São as camisolas que passaram de moda e continuam à espera de um glorioso regresso. As calças de quando ainda vestíamos o 34. Os sapatos que voltaremos a calçar, de certeza absoluta, apesar de não os usarmos há uns bons três anos. E entretanto vamos deixando de conseguir fechar as portas do armário sem ter de lhes aplicar um bom golpe de ombros.

Irá sentir-se melhor do que nunca quando acabar de arrumar.

Aproveitando que hoje é Dia da Arrumação, a designer de interiores Rita Salgueiro sugere que se encha de coragem e passe à ação o quanto antes, arrumando também as ideias de uma assentada. Não, não é fácil livrarmo-nos daquelas camisas de flanela que nunca vestimos mas insistimos em guardar por razões sentimentais. Mais difícil ainda, porém, é ter o guarda-fatos atafulhado e nada que vestir, pelo menos nada que nos faça sentir bem.

Rita Salgueiro ensina-lhe tudo o que precisa de saber para arrumar como um profissional.

Por isso respire fundo. Prepare-se para derramar uma ou outra lágrima (faz parte do processo de renovação, não há que ter vergonha). Se precisar de ajuda extra ou de frequentar algum workshop, consulte o site de Rita Salgueiro. Acima de tudo, tenha presente que isto é para o seu bem. Irá sentir-se melhor do que nunca quando acabar de arrumar.

AS REGRAS DE OURO DA ARRUMAÇÃO

10. RETIRE TUDO DO ARMÁRIO

Selecione o que não vestiu neste inverno (nem no anterior) e coloque diretamente num saco para dar a quem precisa. Peças estragadas e sem arranjo possível vão para o lixo.

9. FAÇA UMA LIMPEZA GERAL

Aspire o roupeiro de ponta a ponta, inclusive gavetas, e passe um pano húmido com vinagre antes de começar a arrumar – é excelente para eliminar o cheiro a mofo.

8. DIVIDA O ROUPEIRO POR ZONAS

Com o verão à porta, tire os casacos compridos dos cabides, dobre-os com cuidado, embrulhe-os em papel de seda e coloque-os na parte superior do roupeiro ou sob a cama (se for rebatível). Deixe os casacos de meia-estação no mesmo lugar. Arrume os vestidos compridos todos juntos, organizados entre si por cores, e faça o mesmo com os curtos, aproveitando o espaço que sobra por baixo para colocar caixas de arrumação. As calças ficam dobradas em cabides (dois pares por cabide). Saias são para pendurar em cabides de molas. No caso de tecidos que marquem, colocar do avesso e usar discos desmaquilhantes para não ficarem com a marca da mola.

7. CABIDES DIFERENTES

Existem cabides de ombros largos, específicos para casacos e que ocupam muito espaço. Para ganhar o espaço perdido nos casacos, use cabides finos para vestidos, túnicas e peças que não precisem de ter os ombros suportados. Há ainda cabides próprios para conjuntos de saia/casaco ou saia/top e cabides que suportam cinco peças.

6. ROUPA INTERIOR

Arrume-a sempre em gavetas ou caixas, guardando os soutiens abertos e organizados por cores. No caso de conjuntos, coloque a tanga na copa de um dos lados do soutien. As tangas soltas ficam umas atrás das outras, organizadas por cor e preferência.

5. BIQUÍNIS

Passam para a gaveta das meias (que deixam de ser necessárias nesta altura do ano), onde ficam organizados por cores tal como a roupa interior.

4. ACESSÓRIOS

Se tiver bastante espaço no quarto, o ideal seria arranjar um toucador com gavetas estreitas e separadores adequados para poder ver todos os seus colares, brincos e outros acessórios de forma rápida e prática. Se não, pode sempre pendurá-los nas portas do roupeiro com igual eficácia.

3. MAQUILHAGEM

Mais uma vez, o ideal seria deixar a maquilhagem e outros produtos de beleza na casa de banho, onde por norma os utilizamos. Mas também podem ficar em caixas no roupeiro (as tais para as quais arranjámos espaço numa prateleira por baixo dos vestidos curtos).

2. SAPATOS

Podem ser organizados de várias formas, mas sempre por cor. É possível ganhar espaço em altura colocando os sapatos nas caixas (regra geral, dá para colocar três caixas de sapatos umas sobre as outras), com mais uma fileira de calçado à frente das caixas.

1. PREVENIR ODORES

É importante haver espaço entre as peças de roupa para poderem respirar (se não der, está na altura de se desfazer de mais algumas além das que pôs inicialmente de parte). Nunca guarde uma peça suja no armário: se usou um top para um jantar rápido e ainda não precisa de ser lavado, deixe-o pelo menos um dia a arejar. Folhas de casca de laranja ou tabaco são ótimas para eliminar odores e afastar as traças. Outro truque é deixar as portas do roupeiro abertas durante a noite e, pela manhã, vaporizar com um pouco do seu perfume: não só fica tudo arejado como a cheirar a si.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.