Alguma vez imaginou que podia engomar uma camisa com um secador de cabelo?

Nós também não e por isso é que, quando demos de caras com este livro - «Desenrasca-te», de Renato Rocha - já não conseguimos parar de lê-lo. Além de escrito com enorme sentido de humor e de ser uma justa homenagem ao famoso desenrascanço português, está cheio de conselhos úteis e inesperados para o nosso dia a dia. Qual MacGyver, qual quê. Fique com uma amostra.

Textos e imagens retirados do livro Desenrasca-te [Oficina do Livro]

9. ABRILHANTAR O CABELO

Sim, abrilhantar o cabelo. Com ovos. As gemas são ricas em proteínas, vitaminas A, B, E, D, minerais e uma série de outras substâncias porreiras. Nem é preciso misturar o que quer que seja. Desfaz a gema numa tigela e depois aplica-a ao cabelo, massajando suavemente. A seguir, lava com água morna (a água muito quente pode cozer a gema, e aí sim ficas com o cabelo nojento).

8. CURAR UMA RESSACA

Os ovos são fontes naturais de um aminoácido chamado cisteína, que ajuda a contrariar o efeito do álcool no nosso corpo. Mas há boas notícias: ao contrário do que a cultura popular pensa, não é preciso beber um ovo cru de penálti para curar a ressaca. O que interessa é mesmo comê-los, podendo estar cozinhados.

7. DESENRASQUES GASTRONÓMICOS

Se cozeres demasiado os legumes, e ficarem moles e aguados e horríveis e impossíveis de servir, não tens de te preocupar. Transforma a incompetência num puré, passando os legumes demasiados cozidos com uma varinha mágica (ao servir, não te esqueças de dizer que foi de propósito).

6. PASSAR A FERRO (SEM TER DE PASSAR A FERRO)

[Além do truque do secador de cabelo na camisa já vestida] Uma maneira simples, rápida e económica de tirar os vincos e dobras de uma t-shirt ou camisa é pendurá-la num cabide e borrifá-la com uma solução de vinagre e água. Deixa atuar durante alguns minutos e verás que a maioria dos vincos e das dobras desapareceu. Mas cuidado: por motivos óbvios, é bom que exageres no perfume ao sair de casa.

5. LIMPAR A BORRACHA DOS SAPATOS

A sola dos ténis ou dos sapatos tem daquelas marcas pretas e inestéticas? Usa o mesmo truque do CD e do carro. Nos casos mais complicados podes substituir o pano húmido por uma escova de dentes velha, e aplicar a pasta de dentes como se fosse um líquido de limpeza.

4. PRECISAS DE MENTIR?

A maior parte das pessoas comete dois erros ao justificar meia hora de atraso: ou inventa uma desculpa demasiado específica ou vitimiza-se, criando detalhes que a colocam como alvo de alguma situação terrível. Podes usar isto a teu favor: dá uma desculpa vaga e simples e fica-te por aí (se alguém pedir mais detalhes é bom que os tenhas preparados: mas não voluntaries a informação ou parece que estás a fazer um grande esforço). Além disso, ajuda se polvilhares a desculpa com algum elemento ligeiramente humilhante. As pessoas partem do pressuposto que temos dificuldade em reconhecer algo que nos faz passar por tontos, por isso é mais fácil acreditar numa desculpa que pareça difícil de admitir («Ele não ia dizer uma coisa daquelas se não fosse verdade, não achas?»).

3. COMO CRIAR UMA PALAVRA-PASSE (QUASE) PERFEITA

As probabilidades de um quarentão gordo que vive na casa dos pais estar, neste momento, a tentar roubar a tua palavra-passe, não são assim tão elevadas. Mas nem oito nem oitenta: muita gente contenta-se com palavras-passe demasiado óbvias («1234567» ou «password_do_Carlos»), e que podem apresentar sérios riscos de segurança. Por isso, aqui fica uma das três regras essenciais [apresentadas no livro]: não te esqueças que ninguém adivinha palavras-passe com um bloquinho de notas e uma esferográfica; os computadores modernos têm uma capacidade incrível para correr imensas possibilidades por segundo. Por isso, utiliza um mínimo de 12-14 caracteres, e quanto mais melhor.

2. DESENRASQUES VINTAGE

Quem cresceu com uma avó sabe que isso só traz vantagens. Claro, há toda a questão do amor materno, dos gelados às escondidas dos pais e dos passeios de domingo. Mas as avós não servem só para nos mimar e para nos dizer que a nossa mãe não nos sabe vestir e pentear. As avós são um repositório de sabedoria popular de conhecimentos práticos do dia-a-dia, de dicas infindáveis. Uma avó é uma cozinheira, costureira, enfermeira. É uma super-heroína, com CEO doméstico e uma filósofa popular. [E terá sido fonte e inspiração de muitos dos truques deste livro].

1. O LIVRO

Desenrasca-te, de Renato Rocha, com ilustrações de Tamara Alves [ed. Oficina do Livro]. P.V.P: 13,30 euros

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.