Como limpar a casa sem usar nenhum produto de limpeza

Adoramos a nossa casa arrumada e a cheirar a fresco, uma espécie de oásis no caos dos dias. Dificilmente, há outro sítio onde mais gostemos de estar, a não ser, claro, na hora das limpezas. Estes produtos vão torná-las mais fáceis.

Texto NM | Fotografias Shutterstock

A boa notícia é que existem umas quantas formas simples de despachar este trabalho ingrato com pouco dinheiro, sem recorrer a um único produto tóxico que seja. E, de caminho, ir organizando também a despensa, que é de onde vai tirar tudo aquilo de que precisa para limpar.

9. VINAGRE PARA A CASA DE BANHO

É este o seu primeiro e grande aliado nas limpezas da casa, a começar pela casa de banho: a maior parte dos micro-organismos que aí vivem são incapazes de resistir à acidez do vinagre, que ainda por cima desinfeta, remove manchas e elimina gorduras. Misture 1/4 de chávena de vinagre com quatro chávenas de água e uma colher de bicarbonato de sódio – com isto pode limpar qualquer superfície sem riscos de vir a sofrer de eczemas nos dedos, dermatites alérgicas ou hipersensibilidade.

8. LEITE PARA A TINTA NA ROUPA

Água e gordura não se misturam, o que só nos complica a vida naquelas alturas delicadas em que uma caneta rebenta num bolso, ou na mala, ou até no sofá da sala. E aqui entra o leite, capaz de incorporar os elementos gordos da tinta como se fossem seus, alterando a estrutura da mancha. Cubra a tinta com um pouco de leite morno, dê-lhe tempo de agir quimicamente (e a si de ir beber um chá para acalmar os nervos) e em seguida lave o tecido como habitualmente.

7. GIN PARA OS VIDROS

E para as lentes dos óculos. E para o mau humor, mas isso agora não vem ao caso. Para isso só tem de embeber um pano (ou a flanela dos óculos) em gin, passar suavemente nos vidros e vê-los a brilhar tanto como se tivesse usado o líquido limpa-vidros, já sem sujidades nem manchas de gordura. Outra vantagem de se usar gin é poder beber um bocadinho enquanto limpa, para a tarefa não lhe parecer tão penosa.

6. BICARBONATO PARA O FRIGORÍFICO

A par do vinagre, é outro dos melhores produtos de limpeza naturais com que pode contar, ideal para tirar aqueles cheiros pouco agradáveis que o frigorífico tende a exalar de tempos a tempos: coloque um recipiente com bicarbonato no interior, mantendo a porta fechada por algumas horas para absorver. Para limpar o próprio frigorífico por dentro, recorra novamente à mistura-maravilha de vinagre (cerca de 1/4 de chávena por quatro de água) com uma colherada de bicarbonato: é só deixar atuar 20 minutos e enxaguar com água morna. Para os azulejos, experimente ainda colocar o bicarbonato diretamente numa esponja húmida e aplicar, enxaguar e deixar secar. Vai ver que não há melhor.

5. COCA-COLA PARA A FERRUGEM

Não, não serve apenas para refrescar ou desentupir canos, também funciona para remover manchas de ferrugem: se a peça ferrugenta for pequena, deixe de molho na cola; se for grande, esfregue com um pano embebido até soltar. É igualmente um método seguro para lubrificar porcas e parafusos perros caso necessite de desatarraxá-los (nunca se sabe quando teremos de mudar um pneu), bem como para demolhar tachos com o fundo queimado antes de esfregá-los.

4. SAL PARA AS MANCHAS DE SANGUE

Há poucas coisas mais difíceis do que remover manchas de sangue dos tecidos, mas não é impossível. Da próxima vez que acontecer, coloque o mais rapidamente possível a peça de molho em água com uma boa quantidade de sal de cozinha e deixe atuar durante cerca de uma hora. Depois retire e lave a roupa como de costume.

3. CHÁ PRETO PARA O CHÃO DE MADEIRA

É o tipo de chá mais transformado (as folhas são completamente oxidadas até ficarem pretas), aquele que tem mais cafeína e o mais popular, tanto pelo sabor forte como pelo bem que nos faz. A nós e aos soalhos, diga-se de passagem, já que remove as manchas sem danificar, além de os taninos em que é rico protegerem a madeira. Não tem nada que saber: ferva 1/4 de litro de água, acrescente cinco saquetas de chá preto e deixe ferver mais um quarto de hora. Ao fim desse tempo desligue o fogão, junte um litro de água fria e deixe arrefecer. Está pronto a usar.

2. PEPINO PARA O AÇO INOXIDÁVEL

Ia deitar fora aquele pepino que não usou na salada do almoço? Pois saiba que é ótimo para polir utensílios de aço inox e mesmo o lava-loiça. Composto quase essencialmente por água, sais minerais e algum ácido ascórbico, aplicá-lo nas superfícies metálicas deixa-as a brilhar como se fossem novas. E se calhou abusar um bocadinho daquele gin com que lavou os vidros, também pode comer algumas rodelas antes de se deitar, para evitar a ressaca e as dores de cabeça.

1. LIMÃO PARA OS METAIS

Quimicamente falando, o ácido cítrico neutraliza o óxido metálico (uma base) por terem cargas opostas. Na prática, basta-lhe cortar um limão ao meio e passá-lo diretamente nos metais que pretende limpar (torneiras, chuveiros, sifões, o que for), deixar atuar uns 30 minutos e lavar normalmente com a ajuda de um pano macio. Se quiser um produto mais forte, faça uma pasta de limão com bicarbonato de sódio e siga exatamente o mesmo processo. Em alternativa pode ainda esfregar as superfícies metálicas com cebola: o cheiro é mais agressivo, sem dúvida, mas também funciona.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.