Guia de sobrevivência nos saldos

NM1232_Moda01

Publicidade

Já chegou a época dos preços loucos.

Como sobreviver aos saldos sem cometer disparates de que depois se vai arrepender?

A altura do ano em que o monstro do consumismo ataca com mais força já chegou: depois do Natal chegam os preços baixos e resistir-lhes torna‑se quase impossível. Como quando não conseguimos vencê-los mais vale juntarmo-nos a eles (e definitivamente, reconheça, não vai vencer a época de saldos), damos-lhe umas dicas bastante úteis para escapar ileso à batalha dos preços baixos.

A PREPARAÇÃO COMEÇA EM CASA

• Passe o seu guarda-roupa a pente fino e veja quais as peças de que mais precisa.

• Faça contas e estabeleça um limite de dinheiro para gastar nos saldos.

• Ajuste a sua estratégia de investimento. Existem duas formas de encarar os saldos: ou vamos às lojas que costumamos frequentar, e aí compramos em mais quantidade porque os preços estão baixos; ou vamos a lojas melhores e mais caras, mas que com o desconto ficam mais à medida do nosso bolso.

NM1232_Moda02

QUANDO ESTIVER A COMPRAR TENHA ISTO PRESENTE

• Não compre apenas porque é barato.

• Tenha em atenção se a peça é do seu tamanho e, caso não seja, faça contas ao arranjo que teria de fazer, pois nem sempre compensa. Às vezes, mesmo em saldo, com o arranjo a peça fica mais cara do que era.

• É importante observar bem a peça que vai comprar para confirmar que não tem defeito, sobretudo peças tricotadas que facilmente ficam com malhas.

• Apesar da confusão em que estão os provadores nesta altura, não deixe de experimentar antes de comprar. Só assim perceberá se realmente gosta da peça.

• Por vezes, mesmo com desconto, encontramos coisas que estão um pouco fora do orçamento. Não se deixe levar pelo impulso de comprar logo. Pergunte a um funcionário da loja se o preço vai baixar mais e se ainda tem peças em stock. Assim percebe se vale a pena esperar um pouco sem grandes riscos de a peça deixar de existir.

• Lembre-se de que, geralmente, lojas que começam logo com grandes descontos só voltam a baixar o preço mais para o fim dos saldos, quando tudo está mais escolhido.

• Apesar da confusão que pode ser a época de saldos, mantenha a calma e o foco.

• Um bom segredo para não se desviar do objetivo é olhar apenas para a roupa com desconto. Esqueça as coleções novas, afaste-se da zona arrumada das lojas.

Se seguir à risca estes passos, é quase garantido que vai sobreviver a mais uma época louca e, pelo caminho, conseguirá boas peças para completar um guarda-roupa irrepreensível.