OPINIÃO

Andréa e os Mini-Mis

Moda para crianças entre os 6 meses e os 16 anos, de marcas escolhidas a dedo.

Mãe, blogger, consultora de imagem, marketeer… tudo isto cabe no cartão-de-visita de Andréa Schaefer, mentora do Mini-Mi Fashion Week.

Filha de mãe portuguesa e pai brasileiro nascido no Sul do Brasil – «daí o nome alemão» – nasceu em Portugal, mas foi no Brasil, onde viveu, que se encontrou. «Era uma miúda tímida, quando fui, e foi no Rio de Janeiro, de onde regressei com 15 anos, que me tornei realmente muito comunicadora», explica. De volta a Portugal, atraída pelo poder da imagem e da comunicação, a licenciatura em Relações Públicas e Publicidade pareceu o passo mais lógico. Mas o verdadeiro caminho só surgiria mais tarde, nos Estados Unidos: «Estava a viver num campus universitário e as miúdas começaram a perguntar-me onde me vestia, como é que o fazia, se podiam ter a minha ajuda… Tinha lido na Time que [a consultoria de imagem] era uma das dez profissões do futuro. Achei engraçado e pareceu-me que poderia funcionar, por isso decidi ir tirar o curso a Inglaterra.»

Embora «consultoria de imagem» fosse ainda uma palavra estranha para muitos portugueses, a verdade é que, ao regressar, Andréa encontrou portas abertas. Com Miguel Stanley e Ibérico Nogueira, participou no programa de mudança de imagem Ellora e, mais tarde, no programa de televisão Doutor, Preciso de Ajuda!. Seguiu-se uma empresa de personal branding, mas uma série de fatores, incluindo a gravidez, fizeram-na mudar, novamente, de planos. «Quando fiquei parada nove meses em casa, com a minha filha, comecei a reparar um bocadinho mais na moda para crianças. Achei interessante este fenómeno dos blogues infantis e percebi que tinha havido um grande crescimento do mercado, mas que essa moda ainda não era apresentada de forma profissional.» Daí à ideia do Mini-Mi Fashion Week foi um instante. Um projeto que, depois de mais de um ano a germinar, com a ajuda do blogue Mini-Mi, vai saltar para a vida real já em abril.

MINI-MI FASHION WEEK
«Design, criatividade, qualidade e querer ou já estar a exportar.» Foram estes os critérios fundamentais que Andréa procurou nas marcas que vão estar presentes na Mini-Mi Fashion Week. Durante três dias, de 8 a 10 de abril, o evento ocupará o LX Factory com moda para crianças entre os 6 meses e os 16 anos, de marcas nacionais e internacionais escolhidas a dedo. Com periodicidade bianual, o Mini-Mi Fashion Week estreia-se com o tema «Next Generation». Além da área de desfiles, onde os pais podem conhecer as tendências outono-inverno deste ano, o espaço conta ainda com duas zonas extra: a Pow Wow Zone, onde podem encontrar ateliês e diversão para todos, e a área de exposição, onde as marcas estarão a vender os seus produtos.
Bilheteira: 12 euros/pessoa ou 18 euros/duas pessoas. Entrada livre para crianças até 15 anos. Os desfiles têm lotação limitada a 300 pessoas e a entrada faz-se por ordem de chegada.

Laura Patrício
Fotografia: Reinaldo Rodrigues/Global Imagens